Palavrinhas mágicas – segunda parte

Palavrinhas MágicasCiao Ragazzi? Tutto bene?

Vi ricordate del post sulle paroline magiche? Come abbiamo accentato, ci sono tantissime interiezioni che portano, a volte, un po’ di disaggio agli studenti di lingua italiana all’inizio del loro percorso linguistico, quindi vediamone altre.

Normalmente, quando estudamos uma língua estrangeira, nos damos conta que para comunicar, em algumas situações, não precisamos de palavras ou frases complexas. De fato, em muitos casos, basta um gesto, um olhar ou uma interjeição para traduzir o nosso estado de espírito, se estamos contentes, tristes, surpresos, etc.

Pronti. Partenza. Via!

Giusto

Para exprimir aprovação:

  • Francesca ed io abbiamo deciso di fare pace una volta per tutta.
  • Giusto! Anzi, giustissimo!

Palavrinhas mágicas

Para solicitar acordo ou confirmação

  • Il 50% degli studenti non è d’accordo, giusto?

Dai!

Para incitar, encorajar, exortar:

  • Dai, sbrigati! Così arriveremo in ritardo al teatro.
  • Dai che ce la fai! Devi provarci prima di mollare i tuoi sogni.

Palavrinhas mágicas

Obs: Para exortar podemos usar também: Su! Forza! Coraggio!

Ecco

Para mostrar alguma coisa a alguém:

  • Ecco sul tavolo il libro che cercavi.

Para indicar alguma coisa (ou alguém) inesperada.

  • Pensavamo di andare al mare, ma ecco che piove.

Quando damos alguma coisa a alguém:

  • Ecco qui il tuo gelato.

palavrinhasmagicas_

Para introduzir ou resumir um fato:

  • Ecco il parere del nostro presidente.
  • Ecco come sono andate veramente le cose tra Carlo e Anna.

Para indicar hesitação:

  • Ecco, vedi, è successo quello che prevedevo. Adesso cosa dobbiamo fare?

Para indicar que a ação do verbo foi realizada:

  • Ecco fatto! Adesso lasciami in pace!
  • Eccoli, finalmente siete arrivati!

 Boh

Exprime dúvida ou incerteza:

  • Come si intitola l’ultimo romanzo di Alessandro Baricco?

Palavrinhas mágicas

  • Boh! Non ho la più pallida idea. 

Arrivederci e buono studio!

Cláudia

Cláudia Lopes

Claudia Lopes é formada em letras pela UFRJ (português - italiano). Morou 8 anos na Itália, lecionou português na Università degli Studi di Bari; fala inglês fluentemente e estuda alemão. Mantém atualmente o site Affresco Italiano.

Mostrar comentários